quarta-feira, 2 de junho de 2010

Porta-tempero

Uma das pinturas em mdf que me atrevi a fazer foi esse porta-tempero. Foi uma novela. Eu adorei fazer a pátina, mas já tinha em mente usar esse ocre clarinho, para não ficar tudo uma coisa só, uniforme. Aí criou-se o problema, com que roupa eu vou, digo, que print aplico? Todos os motivos que eu tinha em casa, ou eram bege, ou eram grandes demais. Ah, e tinha também os "nada a ver"! Até pensei em mudar de idéia e adaptar para usar no quarto, com tic-tacs, elásticos e afins, mas encontrei esse guardanapo numa das minhas andanças por aí. Já estava quase desistindo.

Na pintura em tela, quando a gente não gosta, adapta e faz um abstrato. No mdf, não tem esse recurso, é tudo mais certinho.

Mas nada que lixa não resolva.

2 comentários: